Prefeitura de Cabedelo realiza projeto inédito de georreferenciamento com mapeamento 3D do município

A Prefeitura Municipal de Cabedelo (PMC), por intermédio da Secretaria da Receita (Serec), iniciou projeto de mapeamento em 3D georreferenciado da cidade. A iniciativa busca a elaboração de uma completa base cartográfica digital, com mapeamento de uso de ocupação do solo, bem como a atualização cadastral do município.

O georreferenciamento vai utilizar o método avançado de voo planejado, com a captação de imagens aéreas de alta resolução (10cm) e o escaneamento a laser, além do mapeamento terrestre em 360° realizado com viaturas especializadas

O voo será a etapa inicial integrante de um conjunto de serviços que beneficiarão o município. Apenas capitais e cidades de maior porte executaram projetos semelhantes, como João Pessoa e Campina Grande.

“Esse projeto tem uma importância tão significativa que será como colocar Cabedelo ‘na palma da nossa mão’. E isso cai como uma luva porque servirá para nortear áreas que necessitam de projetos estruturantes em diversas áreas de atuação vitais para o crescimento do município”, afirmou o prefeito Vitor Hugo.

“Essa visualização atualizada de toda área urbana do município proporcionará a diversos órgãos e Secretarias as imagens digitalizadas e tridimensionais para o conhecimento de informações em alta resolução. A Secretaria da Receita está assumindo a responsabilidade da ação, mas esta será de suma importância para o desenvolvimento de vários setores em toda Cabedelo” ressaltou o secretário da Receita, Yussef Azevedo.

O processo licitatório conduzido pela gestão municipal foi concluído e o projeto será executado pelo consórcio GeoCabedelo, constituído pelas empresas Tecgeo e Aerocarta.

O método de mapeamento estará sendo realizado por monitores em uma aeronave Navajo, modelo PA 31, fabricado pela Embraer com equipamentos fotográficos e de escaneamento a laser ultramodernos de altíssima precisão, integrados em uma tecnologia que ainda não foi alcançada pela utilização de drones.

Todos os dados resultantes dos mapeamentos aéreo e terrestre e do levantamento cadastral urbano – como fotografias aéreas, fotografias de fachadas, curvas de nível, infraestrutura pública, modelo 3D e mapa urbano base – serão disponibilizados através de um moderno sistema de informações geográficas web para todas as Secretarias que dele necessitarem para execução de uma gama de serviços da ordem de atualização imobiliária cadastral, infraestrutura, plano diretor, obras, defesa civil, organização e planejamento urbano, dentre outros.

Por Secom 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui