São Paulo Crystal derrota o Campinense Clube no encerramento da 1ª rodada do Paraibano 2021

O Campinense estreou com derrota no Paraibano 2021. A Raposa foi derrotada na tarde deste domingo (18) por 2 x 1 pelo time do São Paulo Crystal, em partida realizada no estádio Carneirão, em Cruz do Espírito Santo.

O São Paulo Crystal abriu  o placar  aos 47min do 1º tempo, gol marcado por Biro Biro.  O time de Cruz do Espirito Santo ampliou o resultado com Leandro Cearense aos 7min do segundo tempo. O Campinense Clube descontou aos 17min do 2º tempo,  com gol do atacante Nunes, que terminou sendo expulso.

Na tarde de domingo (18), em um campo bastante enlameado do estádio Carneirão, em Cruz do Espírito Santo, São Paulo Crystal e Campinense se enfrentaram no encerramento da primeira rodada do Campeonato Paraibano. Em um piso quase impraticável para o futebol profissional, o Carcará se aproveitou das chances que criou e venceu a Raposa por 2 a 1.

Com poucas chegadas dos dois times na meta adversária, o Campinense foi quem se arriscou com a bola no chão, e aos 26 minutos, após jogada de Cadu, a bola sobrou dentro da área para Jackinha, que bateu cruzado, mas o chute saiu a esquerda da meta de Nunes.

O time da casa tentava, a qualquer custo, cruzar bolas na área para fugir do gramado ruim, mas facilitava a vida da defesa rubro-negra, que ganhava todas as divididas pelo alto.

Aos 42, o mais próximo de gol na primeira etapa até o momento. Marcus Nunes cobrou falta da meia esquerda e, aproveitando o piso encharcado, bateu firme, rasteiro, e obrigou o goleiro do Carcará a cair no canto esquerdo para rebater. Na sobra, Michel Bennech furou o chute, e deu o tempo necessário para que a defesa afastasse o perigo.

Mas já nos acréscimos, aos 47min, Biro Biro cobrou falta da meia esquerda, com muita categoria, e mandou de perna direita no ângulo direito de Danilo para marcar um golaço e abrir o placar no Carneirão.

Segundo tempo

Buscando uma dinâmica maior no meio-campo, mesmo com o gramado atrapalhando o toque de bola rasteiro, a Raposa voltou do intervalo com Marcelinho na vaga de Rodrigo Amorim, que praticamente não participou do jogo na primeira etapa.

Mas quem marcou de novo foi o Carcará. Aos 7 minutos, após cruzamento na área, Henrique desviou de cabeça, Danilo fez uma defesaça, mas no rebote, Leandro Cearense encheu o pé para estufar as redes e ampliar o marcador no Carneirão.

Ederson Araújo fez mais alterações para deixar o Campinense mais ofensivo para diminuir o prejuízo, e aos 17 minutos veio alguma reação. Marcus Nunes pegou a bola na entrada da área e bateu firme, rasteiro de pé direito, e venceu Nunes, que não conseguiu fazer a defesa.

A Raposa tentou encurralar o São Paulo Crystal no seu campo de defesa, chegou a colocar dois zagueiros altos no ataque para explorar a bola aérea, mas no fim, prevaleceu a vitória por 2 a 1 dos donos da casa.

A próxima partida do Carcará será no sábado (24), no Perpetão, contra o Atlético de Cajazeiras, enquanto no domingo (25), o Campinense vai receber o Nacional de Patos, no Amigão.

Fonte: Voz da torcida

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui