Com golaço de Michael e erro de Diego Alves, Flamengo vence a Chapecoense de virada

Um animado segundo tempo que ofuscou a sonolenta etapa inicial. De virada, o Flamengo venceu a Chapecoense por 2 a 1 de virada em casa. A equipe rubro-negra saiu atrás no placar depois de Diego Alves rebater a cobrança de falta de Busanello que Perroti completou para o gol. Os donos da casa acordaram depois do gol sofrido e viraram a partida em cinco minutos. Primeiro, com Arrascaeta, e depois em um lindo gol de Michael, que deixou cinco adversários para trás, inclusive o goleiro.

Diz a música de Jorge Ben sobre Fio Maravilha que o atacante do Flamengo driblava meio time e o goleiro antes de tocar para o gol e ser humilde ao não ir para dentro da rede. Foi quase isso que aconteceu com Michael na noite deste domingo no Maracanã. O atacante do Flamengo recebeu de Pedro, invadiu a área, com um toque deixou Felipe Santana no chão, com outro passou por dois marcadores e, após mais um drible, deixou o goleiro na saudade antes de bater para o gol quase vazio. Uma pintura no Estádio Mário Filho.

Após a demissão de Rogério Ceni na madrugada de sexta para sábado e a contratação de Renato Gaúcho menos de 24 horas depois, o novo treinador do Flamengo assistiu à partida no Maracanã ao lado de Rodolfo Landim, Marcos Braz e Bruno Spindel. O técnico do Fla comandará a equipe a partir de segunda-feira.

Marcos Braz e Renato Gaúcho assistem a Flamengo 2 x 1 Chapecoense

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui