Flamengo goleia o Olimpia de novo e vai com moral para semifinal da Libertadores

  • Gols, ótima atuação e uma classificação repleta de moral: pela quinta vez em sua história o Flamengo está classificado para as semifinais da Libertadores. A vaga na noite desta quarta-feira veio com nova goleada sobre o Olimpia, placar de 5 a 1 construído com facilidade no Mané Garrincha, em Brasília. A exemplo do primeiro confronto, Gabriel marcou duas vezes. Bruno Henrique, Willian Arão e Salcedo (contra) fecharam a goleada – Recalde, no fim do primeiro tempo, descontou para os paraguaios num lindo gol. Com um placar agregado de 9 a 2 na bagagem, a equipe de Renato Gaúcho agora aguarda o vencedor de Barcelona Guayaquil x Fluminense para conhecer o adversário na próxima fase da competição.
  • O protagonista
  • Como de costume, Gabriel Barbosa, o Gabigol, foi o principal jogador tanto na vitória desta quarta quanto do confronto. Dos nove gols do Flamengo sobre o Olimpia, quatro foram do atacante. Ele voltou a marcar duas vezes no Mané Garrincha: um no primeiro tempo, completando cruzamento de Rodinei, e um no segundo, cabeceando no cantinho. Essa já é a edição da Libertadores com mais gols de Gabigol (10 no total, superando os 8 de 2019). É artilheiro isolado da competição.Gabriel comemora primeiro gol do Flamengo contra o Olimpia
  • 1º tempo
  • Diferente dos últimos jogos, até por conta da vantagem construída no jogo de ida, o Flamengo deu mais espaço para o Olimpia no início da partida desta quarta. Não sufocou, embora tivesse claramente o domínio da partida. O primeiro susto foi só aos 25, com Gabigol (impedido) chutando para fora. Quatro minutos depois, ele mesmo abriu o placar após boa assistência de Rodinei pela direita. Bruno Henrique, completando de cabeça um passe com GPS de Arrascaeta, ampliou. E Recalde descontou para o Olimpia num contra-ataque em que deixou Léo Pereira e Diego Alves no chão, marcando um golaço.Bruno Henrique Copa Libertadores Flamengo v Olimpia - Estadio Mane Garrincha, Brasilia,  Bruno Henrique comemora gol

O Flamengo parece ter voltado com tudo do intervalo, embora taticamente nada tenha mudado. Willian Arão aumentou a vantagem depois de cobrança de escanteio, num lance em que a bola ficou viva dentro da área e ele empurrou de qualquer maneira para o gol. Pouco depois, em novo escanteio, foi a vez de Salcedo se atrapalhar todo e marcar contra, meio de coxa meio de cabeça. Com o jogo liquidado, Renato Gaúcho promoveu as entradas de Pedro, Vitinho e Michael, mas deixou o fominha Gabriel em campo para que ele, de cabeça, fechasse o placar: 5 a 1. Baile rubro-negro no Mané Garrincha.

  • Próxima partida
  • O Flamengo agora volta a campo no próximo domingo, pelo Brasileirão, para enfrentar o Ceará. A partida será às 16h (de Brasília), no Castelão, em Fortaleza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui